Natura

Tommy

terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

Manoel Carlos e suas Helena


Boa noite lindonas e amigos que visitam esse blog. Hoje terça-feira, resolvi fazer algo diferente. Fugir as regras do blog, respeitando naturalmente os cronogramas já pré estabelecidos. Segunda-feira RX das famosas, quarta-feira Dica de saúde e beleza e sexta-feira, dica cultural. Terças e quintas, reservo espaço para moda e decoração, postando a fonte, onde as pessoas possam encontrar os produtos, caso haja interesse. No entanto, tenho pensado muito sobre o que li a respeito do autor Manoel Carlos. Sobre o encerramento do ciclo das Helenas. Fiquei pensando no serviço prestado há anos escrevendo novelas, mostrando o cotidiano das famílias, universo esse que sempre agradou o autor. Lembrei das Helena do Maneco como é carinhosamente chamado por seus colegas e como esse homem deve está se sentindo com o encerramento desse ciclo. Por essa razão decidi homenageá-lo aqui no blog, mostrando todas as suas helena e assim deixar registrado aqui um pouquinho do seu trabalho. Mas não sem antes deixar a pergunta que não quer calar: Será que Manoel Carlos vai se aposentar? Gosto muito de suas novelas. Sentirei saudades...
Paula Rempel

"Mulheres sempre abertas ao amor e à felicidade, capazes de cometer erros e acertos nessa caminhada. Cada Helena, com suas particularidades e características de mulheres reais, fez história na dramaturgia brasileira. Juntas, elas se tornaram a marca de seu criador, Manoel Carlos, que após oito grandes heroínas, está prestes a fechar esse ciclo. As atrizes que ajudaram Maneco a construir essa história contam como viver uma Helena marcou suas carreiras."


Manoel Carlos
                                                     
                                                          
                                                          Taís Araújo

Há quem diga que a Helena vivida por Taís Araújo, em Viver a Vida, foi uma das que mais sofreram. Para Taís, interpretar a primeira Helena negra e jovem de Manoel Carlos a fortaleceu na vida pessoal.
O autor queria uma atriz linda, que pudesse interpretar uma modelo internacional. Apesar do mundo de glamour que cercava a personagem, a Helena de Taís sofria tragédias na vida pessoal. Durante a sessão de fotos, realizada em sua casa no Rio, a atriz revelou que amadureceu com a experiência e que faria tudo outra vez.

Regina Duarte

"Fazer uma Helena é um grande privilégio para qualquer atriz", comemora Regina Duarte, ao se lembrar das três vezes em que interpretou a heroína de Manoel Carlos. E existe uma preferida? Ela diz ser difícil escolher, mas entrega que não queria que História de Amor, novela em que viveu sua primeira Helena, acabasse nunca. A certeza é uma só: as experiências com personagens tão humanas a fizeram crescer como atriz e pessoa.

Christiane Torloni

"Coroa uma carreira." Assim Christiane Torloni define a chance de fazer a Helena de número seis de Manoel Carlos, na novela Mulheres Apaixonadas. Em entrevista no Copacabana Palace, ao relembrar as cenas preferidas e a humanidade da personagem, ela revela que Maneco tem um segredo com todas suas heroínas. E, do alto de sua experiência, aconselha Bruna Marquezine, a mais jovem Helena que já existiu.

Vera Fischer

Depois de Lilian Lemmertz, Maitê Proença e Regina Duarte, foi a vez de Vera Fischer entrar em cena para viver uma das Helenas de Manoel Carlos. Em 2000, a atriz protagonizou Laços de Família, novela que trouxe ao público a quinta heroína do autor. Em meio a paixões proibidas, brigas, doenças e desilusões, a personagem rompeu preconceitos e inseriu Vera Fischer no rol das escolhidas de Maneco.

Maitê Proença

A fala mansa e o jeito simples da Helena de Maitê Proença conquistaram o Brasil quando a novela Felicidade foi exibida, em 1991. Apesar do apelido delicado, “Leninha”, Maitê lembra que sua Helena passou longe da heroína perfeita. Durante uma entrevista ao site realizada no Copacabana Palace, a atriz comentou sua relação com Lilian Lemmertz e falou da realização por ter iniciado a série de homenagens à primeira Helena de Maneco.

Lilian Lemmertz

Quando interpretou a primeira Helena de Manoel Carlos na novela Baila Comigo, Lilian Lemmertz não fazia ideia de que seria a precursora de uma série tão emblemática da teledramaturgia brasileira. A forma com a qual a atriz deu vida à dona de casa atormentada pelo segredo de ter separado os filhos gêmeos, depois de engravidar de um homem casado e rico, inspirou e moldou a lista das sete protagonistas de mesmo nome que vieram em sua homenagem.

Oito Helenas protagonizaram novelas de Manoel Carlos ao longo de 33 anos. O segredo para o sucesso e identificação da personagem com o público vêm da forma como o autor buscou retratar suas Helenas como mulheres verdadeiras, com defeitos e qualidades. Nessa entrevista, Maneco explica o que o levou a escolher por cada uma das atrizes que contribuíram para eternizar a personagem que se tornou referência de sua obra.

Fonte: http://especiaiss3.gshow.globo.com/novelas/em-familia/as-helenas-de-manoel-carlos/#home